quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Há lugar para mim no teu coração?



O tão esperado Messias chegou em uma noite solitária. 
Não havia lugar para ele por conta do alistamento decretado por Cezar Augusto, e todas as estalagens estavam ocupadas.
O Salvador da humanidade, o Rei dos reis, foi recebido neste mundo apenas  por poucos  homens tementes a Deus, que foram agraciados pela maravilhosa notícia. 
Foi aclamado pelos anjos do céu porque sabiam quem era aquele menino tão especial.: 
“Glória Deus nas alturas, paz na terra aos homens a quem Ele quer bem.”  Lc 2 14
A nação que O aguardava tão ansiosamente, não percebeu quando Ele chegou.
Hoje não é diferente. Não... Ele não chegou no dia 25 de dezembro, como alguns acreditam. 
Mas se essa fosse realmente a data, não seria diferente daquela noite.
No dia em que se comemora o aniversário do nosso Salvador, o aniversariante é esquecido.
Todos ocupados e não há lugar para Ele em nossos corações. Correria, presentes, festas, preocupações!!!

Façamos deste Natal, e de todos os dias do ano, um momento propício à entrada de Jesus em nossas vidas. Não por um dia, não por um ano. Mas até o dia em que o veremos face a face. 
Que possamos dizer hoje: És bem vindo, Jesus, no meu coração!!
Por Célia Soncella

Continue lendo >>

sábado, 3 de dezembro de 2011

Você é perfeito?



Vivemos toda nossa vida, tentando chegar à perfeição. Antes que você negue esta verdade, pense comigo: quando fazemos algo, uma obra de arte, um  trabalho, ou no ministério, na igreja, ou na educação dos filhos (as mães hão de concordar comigo, certamente), depois do trabalho feito, sempre encontramos algo que poderia ter sido feito melhor. Isso se acentua em pessoas que gostam de fazer as coisas com excelência, ou pessoas muito detalhistas e, principalmente, no perfeccionismo em seu mais alto nível.  Queremos ser os primeiros, os melhores, os mais-mais. Não tente negar, em alguma área, ou alguma vez na vida todos pensaram ou pensam assim.
Conta-se que após terminar de esculpir a estátua de Moisés, Michelangelo passou por um momento de alucinação diante da beleza da escultura. Bateu com um martelo na estátua e começou a gritar: Porque não falas? (Perché non parli ?) O artista achou tamanha perfeição na sua obra de arte que sonhou com essa verdade. Mas a estátua não falou, é claro, pois não era tão perfeita quanto ele pensara.
Uma coisa que Deus tem me mostrado nesses últimos dias, é como tentamos mascarar o nosso caráter, nossas imperfeições. Como vivemos na hipocrisia, tentando ser o que nunca fomos e nem seremos, pelo menos enquanto vivermos nesta terra. Escondemos de nós mesmos os nossos sentimentos, defeitos, erros do passado, as vergonhas. Entre você  e Deus: não seria melhor se colocasse tudo na mesa, e dissesse: Deus, eis aí quem sou eu. Oh sim!  Ele sabe. Mas Ele quer que isso aconteça: que você e eu descubramos e assumamos quem somos em nossa essência.  
Nossa cultura nos ensina a escondermos nossos sentimentos e defeitos, para parecermos aceitáveis para as outras pessoas e até mesmo para Deus. Terrível engano! Escondemos nosso passado, tentando acertar no presente e acabamos acumulando problemas e feridas para o futuro.
A palavra hipocrisia significa:  Fingimento de bondade de ideias ou de opiniões apreciáveis.
Fingimento: eis a nossa essência. Fingimos alegria, contentamento, tristeza, ânimo  e até a nossa fé.
Quantas vezes nossa opinião varia de acordo com o ambiente, situação, e pessoas que nos cercam?  Quantas vezes passamos a pensar sobre Deus de acordo com a situação em que estamos vivendo?  Ele é bom se atende nossas petições, mas é ausente e maldoso, quando passamos por dificuldades.  Dificuldades, estas que deveriam ser enxergadas com naturalidade para nós que vivemos neste mundo. Por isso vivemos neste conflito com nossos jovens, porque a sua maioria não aprendeu a passar e, por isso, não sabe vencer as dificuldades.
O capítulo 12 de I Coríntios fala sobre a unidade do Corpo de Cristo, que é a” Igreja”, a soma das pessoas que estão ali com o mesmo propósito: adorar um único Deus.  Paulo mostra neste capítulo que todas as pessoas são incompletas, imperfeitas e precisam uma das outras, e todas precisam da cabeça, que é Cristo. Muito interessante esse capítulo, porque ele nos mostra que, por mais que tentemos, não somos melhores ou piores que os outros. Somos partes importantes de um “quebra cabeça” se é que posso chamar assim.  E cada um tem sua parte que cabe neste corpo. Os dons e talentos dados pelo Espírito Santo são muito importantes para nós, mas não nos torna perfeitos ou melhores que os outros. Paulo então diz: “ E eu passo a mostrar-vos ainda um caminho sobremodo excelente.” I Cor 12:27b.
No capítulo 13, Paulo começa a falar sobre o amor. Mas não é o amor que julgamos conhecer.  Ele fala aqui de um amor inconcebível para nós seres humanos. Quantas vezes dizemos; eu amo quem me ama. Quem não me ama, não merece nem as minhas lágrimas.
Mas Jesus diz: ame seu inimigo, dê a outra face, viva para os outros.
O amor que pregamos viver, é um amor imperfeito. Por mais que tentemos, e devemos sempre tentar, nosso amor nunca se comparará ao amor ágape, que é o que Deus tem por nós. Até podemos fazer o que Jesus ordenou, dar a outra face, amar ao inimigo, fazer boas obras, ajudar os orfãos e viúvas, mas se isto for feito sem o Amor que Deus propõe, tudo isso se torna vazio. Os versículos 4 ao 8 lista uma série de coisas que é o amor: "O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, 5 não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; 6 não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; 7 tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. 8 O amor jamais acaba;”
Quem pode dizer que vive um amor assim? Mas não se desanime; o versículo continua dizendo que conhecemos “em parte”. Apenas uma partícula do amor de Deus é o que a melhor pessoa que já passou, ou passe por esta terra pode ser: apenas uma partícula.
Ok, não somos perfeitos e nunca seremos aqui nesta terra, mas vamos desistir?
A bíblia nos orienta: 
Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está nos céus. Mt 5.48,  Ficamos alegres sempre que estamos fracos, e vocês estão fortes; nossa oração é que vocês sejam aperfeiçoados.
II cor 13:9
Podemos e devemos caminhar para a perfeição, pois essa é a vontade de Deus.
O que devemos entender e querer:
Assumirmos que não somos perfeitos e nunca seremos.
Porém, somos aceitáveis perante Deus, por causa do sacrifício que Jesus fez na cruz do calvário, e não por mérito, mas por graça, amor incondicional de Deus.
Desejarmos caminhar para a perfeição, por amor, embora seja um amor cheio de imperfeições, Deus olha nossa intenção (tomemos cuidado com isso).
Entendemos que somente Aquele que é perfeito poderá nos fazer perfeitos um dia.
“...quando, porém, vier o que é perfeito, o que é imperfeito desaparecerá. 

1 Coríntios 13:10.

 Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face. Agora conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma forma como sou plenamente conhecido. 

1 Coríntios 13:12 

Quando Jesus voltar, poderemos ser perfeitos. No corpo,na  alma e no espírito. Poderemos conhecer o amor em sua essência, não distorcido, como conhecemos. Conheceremos Jesus como Ele realmente é, plenamente, seu rosto, seu toque, seu sorriso.
Que chegue o Grande Dia em que seremos aperfeiçoados por Ele! Maranata!

Por Célia Soncella

Continue lendo >>

Total de visualizações de página

Ocorreu um erro neste gadget

  ©Ah! As doces palavras do Pai!! - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo